Style Sampler

Layout Style

Patterns for Boxed Mode

Backgrounds for Boxed Mode

All fields are required.

Close Appointment form

Tratamento para Cicatriz.

  • Home
  • Tratamento para Cicatriz.
Tratamento para Cicatriz.
icon
Tratamento para Cicatriz.

Sem comentários

Todos nós temos pelo menos uma cicatriz. A Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica define as cicatrizes como marcas, sinais visíveis de uma ferida ou cirurgia, com desenvolvimento imprevisível. Muitas pessoas têm cicatrizes que consideram esteticamente desagradáveis, que prejudicam seu movimento ou causam constrangimento, especialmente quando estão em regiões expostas do corpo.

Conheça os tipos de cicatrizes:

Normotróficas: possuem aspecto sutil, semelhantes ao tecido ao redor.
Atróficas: aspecto “mais fino” do que a pele ao redor, algumas vezes deprimidas, porém, não interferem na funcionalidade do tecido.

Hipertróficas: tecido cicatricial espesso, e que podem diminuir espontaneamente com o tempo. Costumam ser altas e vermelhas, e restritas a área inicial.

Quelóides: maiores que as cicatrizes hipertróficas, no queloide ocorre perda dos mecanismos de controle de reparo do tecido, resultando em um acúmulo de tecido cicatricial, muitas vezes se estendendo além da lesão inicial.

Contraturas: causam a junção da pele com o tecido subjacente, limitando o movimento.

O tratamento pode variar em função do tipo da cicatriz. Importante salientar que eles não acabam com a cicatriz, mas minimizam sua aparência, deixando-a mais uniforme com o tom de pele. Além disso, se a cicatriz causa restrição do movimento do paciente, o tratamento vai ajudá-lo. Os procedimentos podem incluir:

Uso de medicamentos tópicos: como pomadas, géis, fitas e compressão externa. Agem melhorando o aspecto de cicatrizes mais superficiais e descoloridas. Devem ser usados mediante prescrição médica.

Tratamento com injetáveis: através da injeção de medicamentos, que podem preencher a cicatriz. A injeção de alguns medicamentos com esteróides agem em sua maioria na redução da síntese dos fibroblastos, reduzindo a deposição de colágeno, alterando e melhorando o aspecto da cicatriz no que diz respeito à textura, aparência e tamanho da mesma. Os resultados desse tratamento podem durar de meses até anos.

O laser CO2 fracionado pode ser uma excelente opção em alguns casos, favorecendo o remodelamento cicatricial, levando ao “amolecimento” e diminuição da espessura. Com este tratamento costumamos usar o “drug delivery”, que é a introdução de medicamentos através dos furinhos provocados pelo laser, evitando assim a necessidade de injeção, tendo como vantagem uma distribuição mais uniforme do medicamento e menores chances de atrofia teciduais induzidas pelo corticóide.
Pode-se fazer necessário também a remoção cirúrgica da cicatriz , normalmente associadas a betaterapia/ eletroterapia no pós operatório. É importante destacar que uma ou mais técnicas podem ser associadas para proporcionar a melhor resultado possível.

Após o tratamento, siga as recomendações médicas durante o período de cicatrização. Escolha um cirurgião membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e com a experiência necessária para realizar o seu tratamento.

Você está incomodado com a aparência da sua cicatriz? Agende sua consulta com o Dr. Elizeu Lavor!

Leia mais conteúdos:

Será que você está com sintomas de Dismorfia Corporal.

Você tenta esconder ou camuflar seu defeito com as mãos, maquiagem ou roupas?

Você evita olhar-se no espelho para não ficar tão preocupado?

Você se observa no espelho de forma atenta e repetida?

Você está seriamente preocupado que uma parte do seu corpo é defeituosa?

Dismorfia Corporal: quando a preocupação excessiva com a aparência transforma-se em doença.

Quem é o Dr. Elizeu Lavor?

Conheça um pouco mais sobre o Dr. Elizeu Lavor, Cirurgião Plástico e Membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP).

Você já é paciente do Dr. Elizeu Lavor? Dê sua nota e faça seu comentário no Google.

Avalie o Dr. Elizeu Lavor no Doctoralia.

  • COMPARTILHAR ISSO

Sobre o autor

Envie um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Leave a Reply

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>